InicioQuem SomosVida PlenaPalavra de DeusEscola dos ProfetasNotíciasVídeoAgenda Fotos ParticipeContato 
Quem Somos > Quem é Maiza?


Quem é Maiza?

Criamos esta página para responder às diversas perguntas e questões levantadas ao redor do nome de nossa Missionária e Evangelista Maiza Ribeiro.

Maiza é Evangelista do Ministério Alcançando Corações Brasil para todos os países de língua portuguesa. A sede de seu Ministério Matriz está no Brasil , onde agora vive como missionária. O pastor Mikael Oxentenko, pastor Senior da Conferência Adventista do Sétimo Dia, em Washington nos EUA, é amigo e apoiador do ministerio Alcançando Corações Brasil

Tem 48 anos e é casada com o Missionário Leandro Ribeiro. Não possuem filhos do casal, mas amam o filho que Deus os deu chamado Marcos Junior.

Morou quase nove anos nos EUA como Missionária e Obreira Bíblica, de onde ainda hoje se colhe frutos lindos para o reino de Deus em resultado de seu trabalho comprometido com a Obra de Salvar do Pecado e conduzir a Cristo Jesus no Santuário Celestial.

Esteve trabalhando como Obreira Bíblica por quase toda sua vida, deu seu primeiro estudo bíblico aos treze anos de idade, tendo pausado seu trabalho somente nos anos entre 1985 a 1989, quando teve que trabalhar para custear os estudos e a vida que levava.

Pertence a Igreja Adventista do 7º dia por todos os seus dias vividos e permanece fiel aos princípios que esta fé recebeu de Jesus Cristo, a qual faz questão de proclamar.

Maiza é Conselheira , tendo feito seu preparo para esta missão na Flórida  Christian University, one hoje cursa o Mestrado em Psicologia Clinica,estando apta para atender e ajudar seus irmãos do mundo todo que entrarem em contato com ela.

Mantém um Ministério de pregações das tres Mensagens Angélicas ao redor do mundo e do Brasil e uma Escola de Profetas em Pernambuco, sede do Ministério Alcançando Corações Brasil.

 

De onde você veio? Onde nasceu e quem são seus pais?

Nasci na Bahia, numa cidadezinha na beira do Rio São Francisco chamada Barra. Lembro-me pouco de lá, afinal sai de lá com poucos meses de vida. Voltamos algumas vezes para rever familiares. Meus avós maternos moravam ali. Eu amava ir ao lugar onde nasci.

Minha avó, mãe de minha mãe, era descendente de índios brasileiros e portugueses. Ela era uma mulher forte e dedicada. Teve muitos filhos, 11, e os criou com dificuldade e honestidade. Sempre fora um exemplo vivo na cidade onde viveu. Até hoje pronunciar seu nome é motivo de respeito e reverência na cidade de Barra.

Meu avô paterno, Galdino Marques, era um africano descendentes de Cabo Verde e Angola. Viveu pouco, faleceu jovem, por volta dos 50 anos. Deixou um legado de respeito, trabalho e honestidade atrás de seu nome, um exemplo seguido pelos filhos criados por minha avó.

Mamãe, Dona Odete Dias, é uma mulher de grande autoridade e respeito. Força e sabedoria estão por trás de suas palavras. Trabalhadora e dedicada, previdente e decidida, mamãe tem sido nossa força e nossa âncora terrena em tudo o que empreendemos. Sempre recorremos ao seus conselhos quando algo nos incomoda. Ela nos tem levado ao Santuário Celestial todas as vezes que precisamos de ajuda. Cristã Adventista durante todo tempo que a conheço.

Meu pai foi um homem bom chamado José Mateus. Dois nomes Bíblicos. Ele era um descendente de holandeses. Seu pai era Antonio Zingar N. Barreto. E sua mãe era Matilde Barreto.

Eles tiveram muitos filhos aqui no Brasil. Foi curioso como conheci minha história passada. Somente depois que completei 34 anos, em conversa com uma de minhas tias paterna, pude entender quem foram meus antepassados e a maneira como viveram. Sempre existem histórias lindas por tráz de vidas, nao é?

Gente simples e cheia de lutas... assim eu posso descrever meus ascendentes.

Tenho três irmãos. Murilo, o mais velho.... Mulinaron que é mais velho que eu, e Marcos o caçulinha.... sou a terceira filha... e única da casa....(risos)
Murilo que é casado com a Samantha, minha cunhada lindíssima, os quais são pais do Frederico e do Giovani, e também da Carolina maravilhosa! O Mulinarom é o pai da Jaqueline, do Davi e do Murilinho, que teve com a Deise. O Marcos que é casado com a Miriam e é pai da Maria Eduarda, a Tainara, O Lucas Mateus, e o Marcos.

Estes são os meus irmãos de sangue e que amo de paixão completa.

Fomos felizes.... sentimos muito a perda de papai... nunca me conformei com a morte... acho que não fomos feitos para morrer. ...vida, isso sim me impulssiona...

Nossa casa e origem sempre foram de muita simplicidade... mas cheíssimos de incentivos para o bem... entendemos desde cede o valor do trabalho e da comunhão... tivemos pais cristãos adventistas e isso fez a grande diferença. Nossa casa servia aos Senhor dos Exércitos.

Éramos seis... agora somos cinco, mas respeitamos a memória de nosso pai, queremos acertar, exatamente como ele gostaria que acertássemos se estivesse vivo.

 

Onde voce estudou? Qual foi sua formação?

Fiz meus primeiros anos de estudos em diveras escolas espalhadas por São Paulo, estado onde moramos e mudamos tantas vezes.

Sempre fomos pobres e simples... minha mãe era empregada doméstica, meu pai era um mecânico de máquina de costuras... tínhamos pouco, conseguido com muita luta e esforço de meus pais, e nossa escola estava entre aquelas interioranas e suburbanas dos início dos anos 70... século passado..hahahah (risos)

Foi somente no segundo grau que pude entrar em um colégio Adventista, internato... estudei no querido e saudoso IACS, cujos diretores eram o Professor Earle Linhares e sua esposa Dona Lourdes Linhares, aos quais devo muito de minha educação e preparo para a vida.... Que saudades deles!!!!!

Fiz o técnico em Enfermagem no IACS, também um ano de ALAC = Laboratório e Análises Clínicas. Naquela época eu queria ingressar na carreira médica, e pensei que este início me faria uma base concreta... e foi bem assim...(suspiro)

Dai me casei com um homem, que depois se tornou pastor, e por seu trabalho fomos transferidos muitas vezes de cidade... durante o tempo em que estive casada mudamos 17 vezes, e meus estudos sempre ficavam fadados à próxima oportunidade que surgisse no novo local de moradia.

Depois estudei um ano de História e Geografia, minha paixão! Amava história e queria que esta fosse minha faculdade do coração... amava o conhecimento e o saber. Sou auto-didata em História.

Não consegui terminar em razão de outra transferência e a separação. Ele, o esposo pastor, havia caído no pecado do adultério e isso impediu outra vez a continuação dos meus estudos. Tive que mudar de casa mais uma vez...

Quando me separei, fui cursar Fisioterapia no IAE, nossa faculdade em São Paulo. Fiz dois anos enquanto esperava uma vaga e a aceitação para o Teológico, que era o meu alvo principal na vida... queria saber e estar mais preparada para educar gente na missão de salvar... e sabia que em nossos seminários eu poderia conseguir isso, mas a vaga dependia de deixarem uma mulher separada estudar por lá como qualquer pessoa “normal”... mas essa é outra história... um dia eu conto a voces. (suspiro)

Um dia Jesus me deu a vaga e fui para o outro IAE Arthur Nogueira estudar Teologia. Foram os dias mais fantásticos que já passei na vida como estudante,depois dos dias que vivi no IACS, claro!

Aquela biblioteca imensa, aquelas mentes cultas e cheias de consagração, aqueles alunos dedicados e consagrados... tudo ali me fazia pensar em respirar a atmosfera do céu... Foi uma benção na minha vida.

Quando tinha um ano que estava estudando, fui transferida para os EUA como evangelista. Parei o curso e fui atender o Ministério de Jesus além mar.

Quando me casei novamente nos EUA, meu atual esposo que é um dos meus maiores incentivadores, deu-me o privilégio de viver uma vida de dedicação ao ministério e ao conhecimento. Comprou todos os livros que desejei ter... deu-me todos os incentivos que alguém poderia precisar e deu-me recursos para que estudasse sem preocupações... foi então que me formei em Christian Counseling, para todo o mundo. Hoje sou uma Conselheira Cristã, aqui no Brasil respondo como Psicologa Cristã.

É isso.

 

Maiza, nós vamos te pedir conselhos, viu? Você falou em casamento. Como foi este casamento anterior?

A resposta desta pergunta foi deletada, em respeito ao passado.
Somente eu, Maiza,  posso atestar qualquer coisa relacionada a este tempo sobre minha própria vida.
Falar de meu passado não é falar mal de qualquer pessoa,porque foi o que vivi.  Mas em respeito a dor de alguns, e protegendo aqueles que pecam por tomarem partido,  deletamos as respostas a esta pergunta.
Louvamos a Deus porque naquela ocasião tivemos muitos pastores que acompanharam o caso todo e nosso Deus quem tem sido nossa proteção . Eles também podem atestar e responder alguma coisa a respeito dessa pergunta.
 PEdimos desculpas a entrevistadora da época, que fez tão gentilmente a entrevista ha tantos anos atraz. Por não termos conseguido encontra-la, colocamos aqui nossas considerações a ela. 
Que Deus tenha misericórdia de todos nós.
 

E seu atual casamento? Pode contar algo dele?

Sim, com todo prazer (risos e sorrisos largos).

A vida tem recompensas incríveis! Deus sempre Se supera! Quando deixamos nas mãos de Deus a vida se torna um paraíso... (sorrindo)

Meu esposo, o Leandro é um amigo de Deus! Ele realmente me ama... de verdade!

Nascido de família simples, mas muitíssimo cristãos, são descendentes de alemães... Feldemann

Minha sogra é consideradíssima... amiga, bonita, e elegante.

Meu sogro é uma graça de pessoa. Tenho o maior orgulho deles. São nossa força e nossas âncoras. Eles me chamam de filha... e sempre estão em contato querendo que fiquemos por perto para curtirem nosso dia a dia... acham que somos incríveis e cheios de aventuras... e realmente nossa vida é uma aventura linda de Jesus.

Minhas cunhadas são minhas irmãs! A Angélica é a protetora de todos nós. Vive telefonando, ajeitando os passeios em família, cuidando dos iteresses de todos. Ela é uma graça

Adriana, a mais nova, tem o dom de ser a artista de família. Cozinha como ninguém.

Temos sobrinhos lindos: o Mateus, a Ingrid, e Sara.

Este é um dos tesouros que meu esposo trouxe com ele.

Elas são aquelas pessoas que sempre pedi a Deus para que fisessem parte de minha história. Nós nos amamos. Estamos por completar 7 anos de casados e em nenhum momento tivemos qualquer discussão ou desentendimento entre família. Todos me aceitam e nos aceitam... participam de todos nossos sonhos e realizações... participam de todos nossas vitórias e estão decididos a irem conosco para o céu... nós nos amamos.

Tem sido num ambiente como este que meu amor com meu esposo tem crescido.

Eu o conheci quando fui pregar em Fort Lauderdale, EUA, num dia de semana... quarta-feira de oração (sorrindo).

Ele estava lá ouvindo e eu não percebi... ficou meses me rodeando e analisando a “presa” .....(risos...muitos risos)...quando eu estava lançando meu terceiro CD, juntamente com o Consulado Brasileiro em Miami, ele estava na platéia assintindo, quando o Espírito de Deus falou claramente a ele que eu seria a esposa que ele estava pedindo... no final daquele dia eu o conheci... ele já estava me analisando há meses e eu só o vi naquele dia de dezembro... foi muito bom...

Demorei cerca de três meses para aceitar que ele me cortejasse... era um tempo de muitas decisões, e eu ainda não estava acostumada com a idéia de namorar, casar outra vez... eu tinha ainda um sentimento fantasioso de que estaria traindo meus ideiais de ser esposa de um homem só... mas graças a Deus o Leandro foi guiado pelo Espírito de Deus... e conseguiu vencer a barreira que estava em mim oriunda de todo sofrimento e dores sofridas pelo casamento anterior.

Mas nosso Deus conduziu tudo de maneira surpreendente... até as palavras que pedi a Deus para serem ditas ele falou... Foi um sonho de amor... a realização de todos meus mais profundos anseios como mulher e como menina... senti tudo o que alguém guiado pelo amor verdadeiro é capaz de sentir...

O amor quando é guiado por Deus não causa vergonha em ninguém... causa alegria e todos consideram... todos aprovam... todos se sentem parte desta magia incrível que rodeia o casal que acertou...

Ficamos noivos três meses depois de começarmos a namorar... meu esposo considera que foi meu namorado platônico durante meses...(hahahahha  risos...muitos)...e eu sinto que sempre estive comprometida com um amor assim... maduro, sincero e verdadeiro. Amava meu esposo antes de conhece-lo. Sempre quiz ser amada da forma como ele me ama.

Fizemos tudo do jeito certinho, obedecendo e respeitando todas as etapas e leis de Deus, com um casamento cheio de testemunhas bonitas, tendo toda nossa família presente e unida, participando de cada detalhe... Casamos na Igreja Adventista de Plantation, O Pr. Daniel Silva (saudoso pastor) foi o oficiante juntamente com o palestrante de famílias da Associação Paulistana José Airton Menezes, o qual voou até os EUA somente para participar de nosso casamento, e segundo as leis que regem a nossa Igreja Mundial e o Estado da Flórida... foi um dia memorável... não poderia me esquecer jamais... todos os meus sonhos foram concretizados naquele casamento tão lindo!

Meu esposo é meu protetor... ele me ajuda em tudo... quer sempre ter a certeza de que estou bem e amparada... ele é um cavalheiro... me respeita muitíssimo, é meu fã incondicional... e sempre está disposto a me mimar em tudo... foi muito bem educado e não teve traumas consideráveis na infância... e isso me da uma vantagem imensa em relação às minhas próprias mazelas....

Eu sinto que meu esposo é meu pastor.

Trabalhador, honesto, amoroso, e carinhosissimo sempre... fala palavras de incentivo todos os dias e me faz sentir o que faz questão de me lembrar todos os dias: que sou sua Rainha!

Leandro é um amigo de Deus... desde nossos primeiros dias de casados sempre fizemos culto juntos. Ele sempre fez os cultos e é assíduo na igreja e nos afazeres relacionados à fé cristã. Mesmo quando está sozinho tem por costume a meditação e a leitura da Palavra de Deus... e obedece o que lê.

Exigente ao máximo, quer sempre ver tudo organizado, em resposta ao seu temperamento organizado e honesto, abomina a mentira e o descaso... sofre quando peca... e é um homem sincero e verdadeiro.

E sabe de uma coisa? Minha vida é mais atarefada agora do que em qualquer tempo... Mas a grande diferença é que não há competição entre nós e fazemos tudo juntos.

Ambos trabalhamos pelo bem estar um do outro e sentimos a responsabilidade e amor pela causa do Senhor.

Vamos ter um filhinho este ano. Ele pediu isso a Deus para nosso 7º ano de casados. E sei que serei mamãe mais uma vez. Bendito seja o nome de Deus pelo esposo que me deu.

 

Uau! Que história mais bonita! Então você acredita que Deus te recompensou?

Oh! Bonita sim... demais... mas desculpe, eu não me considero recompensada... não mereço recompensas! Somente força de expressão!

A verdade é que Deus teve misericórdia de mim... e é essa a especialidade de Deus nao é mesmo? Ele sabe como consertar vidas... e Ele consertou a minha. Aleluia!

 

Mas você tem um filho não é? Já se ouviu falar que você tem um filho moreno de olhos verdes! É solteiro? (risos)

Sim, é verdade. O Junior não nasceu de minha barriga mas é meu sangue. Ele é filho de meu irmão mais novo. Ele é um bálsamo lindo que Deus deu à nossa família. Sou sua mãe de coração. Quando ele era pequeno e me perguntava como ele havia nascido, eu sempre respondia que ele era do meu coração... e essa é uma das mais puras verdades que já senti... ele é do meu coração... (suspiros)

Junior tem 17 anos agora... e é um missionário na Bolívia. Esta estudando para ser piloto Missionário para Jesus Cristo. Temos orado pela moça com quem Junior vai se casar... queremos que ele seja fiel.

Ele tem uma história muito sofrida porque enfrentou toda tristeza de meu primeiro casamento... morava conosco naquela época... foi testemunha ocular de todas angustias sofridas naquela ocasião... e diz lembrar de cada detalhe... tenho pedido a Deus que recompense a vida dele por isso... e nosso Deus é fiel sempre... confio nas mãos de Deus o meu filhinho Junior.

Sabe, Deus nos dá o melhor, Ele sempre nos presenteia com o melhor que pode dar. Ele nos dá pessoas. E recebemos dEle o melhor presente: o Junior.

É isso.

 Hoje, dia 17 de março de 2013, nosso filho MArcos está casado e temos uma linda e perfeita nora chamada Kelle... 


Maiza, qual conselho você deixaria para os jovens que estão pensando em se casar?

Por muitas vezes na vida tive o desejo de viver outra vez. Foram tantos os erros que me parecia não haver saída para todas as lembranças e consequências tristes que minhas escolhas haviam trazido a mim mesma e aos meus queridos...

Mas graças a Deus que existem exemplos bons de vida e de testemunho. Podemos nos espelhar nas vidas que venceram e tomar decisões mais acertadas.

Não há como vencer sem compromisso verdadeiro com o controle e com a experiência dos mais velhos.

A verdade e a realidade permanecem intactas. Elas sozinhas conseguem provar que o correto é o caminho mais curto para a realização e a felicidade...

Queridos, sexo antes do casamento cria um vínculo pernicioso de culpa. O casal se torna cúmplice do pecado e, se havia amor acaba por escorregar para o desrespeito e a desconsideração. Não há como realizar-se completamente com um relacionamento cheio de culpas.

A época do namoro deve ser linda e cheia de lembranças bonitas. É a fase de preparação mais delicada que um casal pode passar. Ultrapassar barreira é um poço muitíssimo profundo. Eu sei do que estou falando... já vivi as duas sitiuações e consigo distinguir a diferença marcante entre as duas. Casar com benção é a melhor maneira. Não arrisque a sua escolha de vida... santifiquem suas vidas. Vale a pena ser fiel... nós todos fomos chamados para sermos fiéis. Temos uma responsabilidade gigante com a vida que Deus nos confiou... estamos neste mundo como testemunhas de nosso Deus e como amostras de quem é nosso Pai celestial... Ele, e somente Ele, deve reger nossa história.

Vivi as duas maneiras de viver... a boa e a ruim... e sei o que não se deve fazer... e também sei onde e como encontrar felicidade... não há como sermos felizes e bem sucedidos enquanto não vivermos a verdadeira vida de Cristãos autênticos.

Procurem a opinião de quem ama voces. Seus pais.

Um pastor comprometido também é capaz de orientar em direção ao caminho que Deus aprova.

Orem muito e decidam fazer o correto. Deus recompensa a fidelidade.

Fiquem na paz de Deus.

[ Alcançando Corações : Brasil ] 2009